Habitat: Uma gaiola é o ideal para se manter o Ferret, lembrando que ele precisa de um tipo de “ninho” para dormir.
Mantenha a gaiola limpa utilizando água e sabão neutro.
Alimentação: Devem sempre ter acesso a água, que deve ser trocada diariamente.
O alimento adequado para Ferrets é a ração balanceada, onde encontramos os nutrientes em quantidades ideais proporcionando uma ótima nutrição.
A ração deve estar disponível o dia todo. Quando filhote, o alimento deverá ser dissolvido em água para que amoleça. A ração umedecida deverá ser trocada algumas vezes ao dia para que não estrague. Aos poucos ele estará adaptado a comer a ração seca.
Fezes: O método de ensinar o Ferret aonde fazer suas necessidades é semelhante ao utilizado em cães e gatos. A bandeja sanitária deve ter aproximadamente 10 cm de altura e ser rebaixada em um dos lados para que ele possa entrar. Coloque a bandeja no canto da gaiola, no lado oposto ao bebedouro e ao comedouro.

Banhos: A necessidade de banhos depende do proprietário e do animal. Os banhos devem ser realizados no máximo uma vez por semana. Banhos muito freqüentes removem a oleosidade natural da pele, podendo resultar em problemas dermatológicos. O banho deve ser seguido de secagem e escovação.

Vacinação: O Ferret deve ser vacinado contra duas doenças: a Cinomose e a Raiva.
Seu filhote já recebeu uma primeira dose de vacina contra Cinomose nos Estados Unidos, por volta da 6ª semana de idade.
Para mantê-lo saudável, é necessário que você continue o esquema de vacinação com um Médico Veterinário. O Ferret também é suscetível ao vírus da gripe humana, podendo transmitir ou contrair a doença.

Comportamento: O comportamento varia muito de acordo com o animal. Geralmente são muito curiosos, pequenos, ágeis, brincalhões e inteligentes.
Apegam-se fácil ao ser humano necessitando de constante atenção do seu dono!

Deixe uma resposta